JC e IPMN realizam pesquisa sobre intenção de votos em Pernambuco

eleição PEO Jornal do Comércio em parceria com o Instituto de Pesquisa Maurício de Nassau (IPMN) realizou a primeira pesquisa de intenção de voto para o governo do estado de Pernambuco. O senador do PTB, Armando Monteiro, candidato que sofre da não aceitação por grande parte dos movimentos sociais, em virtude da sua origem usineira, dá a largada na frente dos demais candidatos com 39% das intenções de voto. Em segundo lugar estar o apadrinhado do agora presidenciável e ex-governador do estado Eduardo Campos, Paulo Câmara (PSB), com 12%. O candidato do PSB terá muito trabalho para chegar ao topo das pesquisas e a dificuldade aumenta quando 71% dos entrevistados pedem mudanças na forma de governar, por outro lado, Paulo Câmara conta com a influência de um ex-governador que teve uma gestão com 64% de aprovação, o que pode influenciar bastante nas pesquisas ao longo da campanha. Ainda no primeiro cenário da pesquisa estimulada, 34% votariam branco/nulo/nenhum e 15% não sabem em quem vão votar ou não responderam. Essa é sem dúvida uma eleição em que há poucas opções para o povo. Não há nenhuma liderança popular na disputa e há apenas uma certeza, a vitória será daquele que realizar maior investimento financeiro na sua campanha e conseguir fazer esse investimento chegar até os eleitores. De um lado um usineiro, representando a classe aristocrática, rural, descendente ideológico dos senhores de engenho. Do outro, o campo do grande empresariado, aliados da maçonaria, interessados no crescimento do capital privado. A pergunta que se faz é onde estão os representantes do povo?

 Confira a pesquisa no link: http://pt.slideshare.net/redacaojornaldocommercio/pesquisa-ipmnjc-para-governador-e-senador

Anúncios