Hora do Almoço

Hora do Almoço

 

Suor no rosto

Molha a camisa

São onze e pouco

E já grita a barriga

 

Olho pra um lado e outro

São pilhas e mais pilhas

Trabalho feito um louco

E é caixa que não termina

                                                            

O administrativo vai primeiro

Devem ter mais fome

Chegamos bem mais cedo

 

A fineza deve ter medo

De juntar com tantos homens

Querem almoçar com sossego

 

Ivson Carlos

Anúncios